Politing®, o novo conceito de Marketing Político.

Artigo: Dr. Carlos Salazar Vargas

Tradução Livre: Helder Carvalho

 

O que é politing? “Politing é um termo utilizado para denominar o Marketing Político. Ainda que existam discrepâncias sobre as possibilidades reais de transladar as técnicas tradicionais do Marketing ao marketing político ou não, a resposta deveria ser positiva. Se bem que o Marketing utilizado no mercado político se assemelharia mais com o utilizado na prestação de serviços que o utilizado em produtos de grande consumo. Ainda assim deve adaptar-se às especiais sensibilidades e particularidades do mundo político. 

Um dos objetivos que busca o Politing, é pelo menos equilibrar a participação que a Política tem no Marketing  (o que se escreve com “M” de maiúscula) Político Tradicional. E não se trata de igualar por igualar, simplesmente para dar um equilíbrio, mas porque não estão aproveitando as imensas oportunidades que a política pode trazer para esta relação, o que resulta, entre outras coisas em reduzir, diminuir  e manter campos de ação incompletos do Marketing tradicional.

Porque é inegável que o marketing se instalou, mas também, rapidamente invidiu  o Campo do Marketing Político, deixando totalmente de lado – de maneira lastimável, o muito mais antigo e por isso mais conciso – campo da Política, que é bem amplo e tem a real responsabilidade de enriquecer ao Politing. Basta pensar que en Castelhano a palavras política tem três significados diferentes:

A primeira corresponde à expressão inglesa ‘politics’, que se designa a competência política entre partidos e através de estratégias desenvolidas pelos políticos profissionais. É a atividade dirigida à busca, conquista, exercício e manutenção do poder – ou como alguns denominam o é “a arte do possível” ou melhor, “de fazer possível o desejável” e nas palavras de Eastron “é a atribuição – com autoridade – de valores na sociedade”.

O segundo significado faz referência ao vocábulo Inglês ‘policy’ (policies no plural) e tem o significado de diretriz para alcançar objetivos previamente estabelecidos ou cursos de ações deliberadamente adotadas e perseguidas, para conseguir determinadas metas.

O terceiro, é o vocábulo ‘polity’ que realça as estruturas, normas, princípios e regras necessárias que ajudam a que os conceitos anteriores funcionem.

Isso significa que o Politing abarca, não somente a área abarcada parcialmente pelo Marketing político tradicional, mas também aquela incluída dentro do “Marketing de Políticas Públicas, ya que o programa político que todo candidato deve propor e divulgar, é um conjunto de intenções das Políticas Públicas (policies) que ao ser eleito, deve ser transformado em realidade, mediante feitos tangíveis. Além disso, o politing se preocupa com a determinação de normas e estruturas adequadas às necessidades.

Assim, desde o início da Campanha política, se fazem presentes as ‘policies’ e o ‘polity’, tanto das propostas que o candidato apresenta e comunica ao seu eleitorado com o objetivo que as conheça, as apoiem e que votem (e não joguem ao lixo) como as normas implícitas nelas, que ele deve tornar realidade.

Dessa forma, as Políticas Públicas entram para formar parte do campo do Politing, feito que é cada vez mais representativo, conforme assegura o professor Muller:” cadave mas fazer política (no sentido de Politics) é fazer política (no sentido de policies), ou seja, se vota mais por obras e programas políticos porpostos pelo candidato, do que por sua figura e partido político. Não existe então a desejada unidade conceitual em torno do termo Política, o qual origina – entre outras coisas – que se conheçam, pratiquem e difundam os meios da política, deixando e facilmente esquecendo seus fins, suas estruturas e suas regras.

Por exemplo, temoas como o comportamento do eleitor (mas não do consumidor), a administração das relações de filiação, poder e conquistas, a análise da conjuntura, a localização, capacidade, recursos, poder de mobilização dos atores políticos, econômicos e sociais, o rico campo do poder, dos grupos de poder, influência, referência e de pressão, las mudanças sociais, políticas e eleitorais, as técnicas de negociação, prospectiva política, alianças estratéginas e liderança política, os meios mais eficientes para iniciar uma Política Pública e fechar a brecha entre a formulação e implementação (que não é implantação), a definição e execução de políticas, objetivos, metas, estratégias e táticas, o gerenciamento da agenda, akém de conhecer a estrutura necessária para a campanha política, com as normas, leis, critérios e outros modelos relacionados com o processo político-eleitoral específico…

E é que o fato de não incluir os conceitos básicos da política dentro do Politing, é tão perigoso como o cantidato que assegurava que paro manter seu corpo, somente comia Sushi: su chicharrón, su chile, su chicha y sus chilaquile (seu bacon, sua pimenta, sua salsicha e suas chilaquiles – prato típico da cozinha mexicana)

Texto do Livro POLITING Volume 1, do autor     CARLOS SALAZAR VARGAS

*Politing é uma Marca Registrada por Carlos Salazar Vargas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *